Google+ Novembro 2014 | Blog AntiFlamenguista a
Este blog contém derrotas do Flamengo, eliminações e outros assuntos, como zueiras. Isso acontece porque ele é um espaço para antiflamenguistas. Nós não temos nada contra o Flamengo, que é um dos grandes clubes do país. Todo conteúdo mostrado aqui reflete apenas a OPINIÃO de torcedores rivais do Flamengo, que discutem amigavelmente  em qualquer rodinha de amigos.

Iremos agora revelar as postagens mais acessadas da semana e do mês



Pessoal, o mês de Novembro ainda nem acabou e o blog teve até o momento 330% de acessos a mais do que o mês de Outubro. Estamos trabalhando duro para que esse blog não se baseie apenas em estatísticas (por enquanto estamos catalogando os jogos por ano e depois vamos reagrupar todas as informações por time também) mas um conteúdo bem legal que estaremos colocando sempre disposição de todos. Porém, para dar mais um charme ao blog, estaremos agora informando as postagens mais acessadas da semana.

Quando o mês acabar (e criarmos a postagem do Média de Acessos) iremos também colocar as 10 postagens mais acessadas do mês. As mais acessadas da semana será postada aqui no blog todos os sábados (provavelmente de manhã). Então já sabem que amanhã irei mostrar as 10 postagens mais lidas deste blog nesta última semana.

Porque o mascote do Flamengo é um Urubu?!

CADA UM TEM O MASCOTE QUE MERECE

Foto: Divulgação

O Blog AntiFlamenguista também traz cultura e conhecimento a todos vocês. O Urubu é o símbolo máximo da torcida do Flamengo, e também considerado como mascote oficial do clube. Mas porque um clube como o Flamengo poderia adotar como mascote um animal tão sujo como Urubu?! Quem estava por detrás da ideia particular em criar um mascote como esse?! E como a torcida adotou esse animal imundo como mascote do clube?!

Nem os mulambos sabem, mas quem criou o mascote do Flamengo foram seus rivais (sim torcedores do Fluminense, Botafogo e Vasco entre outros). A torcida do Flamengo era chamada de "Urubu" diante dos seus torcedores rivais simplesmente porque sua torcida era composta pela maioria de negros e pessoas muito pobres. Claro que isso é um ato racista e preconceituoso, mas os torcedores acabaram incorporando a zuação.

O Flamengo tinha criado um outro mascote, que era baseado no desenho Popeye: seria um marinheiro, e tudo tinha a ver, pois o Flamengo foi criado como um CLUBE DE REGATAS e NÃO como um de futebol. Mas parece que o povo flamenguista decidiu de vez adotarem o xingamento dos rivais e adotaram o mascote "oficialmente" em 1969, em uma partida contra o Botafogo, válido pelo Campeonato Carioca (não colocamos essa partida no blog pois o Flamengo não perdeu o jogo, e aqui não mostramos vitória do mesmo). Neste jogo, a torcida tinha capturado um Urubu vivo e levado ao Estádio Maracanã (mais que ideia imbecil). O Urubu acabou sendo solto antes da partida, onde foi OVACIONADO pela torcida rubro negra que logo se identificou como um Urubu. A partir daí nasceu o mascote rubro negro.

Não sei se irei falar isso no blog em breve, mas caso não fale vou dizendo logo aqui: em 2000 tentaram criar uma personalidade neste Urubu idolatrado na Gávea, onde esse simples Urubu tinha se tornado um personagem com características próprias, e chamado de Samuca. Porém, a torcida rubro negra não se identificou com esse personagem e ele foi substituído apenas como um mascote Urubu. 


Flamengo 1 x 3 Internacional - Campeonato Brasileiro 1972



Inter mostra quem manda no Maracanã. Em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, realizado no templo do futebol, no dia 14 de Dezembro de 1972, o Inter não tem pena do Flamengo e vence os mulambos por 3 x 1 em pleno Maracanã. Abaixo, deixo o link do Futpédia, que contém a súmula e outras informações sobre esta partida.

Grêmio 1 x 0 Flamengo - Campeonato Brasileiro 1972



E o Grêmio também é mais um dos times que sacudiram os mulambos da Gávea pelo Campeonato Brasileiro. Em partida realizada no dia 19 de Novembro de 1972, no Estádio Olímpico, o Grêmio vence pelo placar de 1 x 0. Infelizmente, não consegui informações adicionais sobre esta partida.

América Mineiro 2 x 0 Flamengo - Campeonato Brasileiro 1972



O América Mineiro também venceu o Flamengo, em partida válida pelo campeonato brasileiro. O jogo aconteceu no Mineirão, no dia 11 de Novembro de 1972 e o time mineiro americano venceu a partida pelo placar de 2 x 0.




Flamengo 0 x 1 Fluminense - Campeonato Brasileiro 1972



O Fluminense venceu mais um Fla-Flu nesta temporada, pois também tinha vencido o Flamengo por 1 x 0 no Campeonato Carioca. Pois bem, agora o campeonato era outro, mas a vergonha era a mesma. O Fluminense venceu o Flamengo em partida válida pelo Campeonato Brasileiro, realizado no Maracanã no dia 29 de Outubro de 1972. Abaixo, tem o link do Futpedia com a súmula e outros detalhes desta partida.

Flamengo 0 x 1 Palmeiras - Campeonato Brasileiro 1972



Depois de perder para o Coritiba por 2 x 1, o Flamengo jogaria contra o Palmeiras em pleno Maracanã, e acabou derrotado pelo Verdão por 1 x 0. Esta partida foi realizada no dia 21 de Outubro de 1972.

Coritiba 2 x 1 Flamengo - Campeonato Brasileiro 1972



No dia 18 de Outubro de 1972, o Flamengo vai até o Estádio do Coritiba e é vencido pelo o Coxa. O Coritiba acabou vencendo essa partida com o placar de 2 x 1. Abaixo, deixo o link do Futpédia, que tem a súmula e maiores informações sobre esta partida.

Remo 1 x 0 Flamengo - Campeonato Brasileiro 1972



O time paraense chamado Remo finalmente conseguiu sua primeira vitória contra o Flamengo, em partida válida pelo Campeonato Brasileiro 1972. Esse jogo foi realizado em Belém do Pará (na casa do Remo), no dia 17 de Agosto de 1972. O Remo venceu por 1 x 0.

Flamengo 1 x 2 Olaria - Campeonato Carioca 1972



Em partida válida pelo 3º turno do campeonato carioca, Flamengo e Olaria jogaram  no Maracanã par um público baixo (quase 10.000 pessoas), que viram o Flamengo perder, em jogo realizado no dia 17 de Agosto de 1972.


17/8

Flamengo 1 x Olaria 2 
Local: Maracanã. 
Juiz: Arnaldo César Coelho. 
Renda: Cr$ 49.515,00. 
Público: 9.644.
Gols: Carlos Antônio 20', Caio 27' e Êzio 36' do 2.° tempo. 
Flamengo: Renato; Moreira, Chiquinho, Reyes e Rodrigues Neto (Aluísio); Liminha e Zanata; Vicentinho, Dionísio (Caio), Doval e Arílson. 
Olaria: Beto; Fidélis, Mário Tito, Carcará e Mineiro; Van¬tuil e Ézio; Roberto Pinto, Carlos Antônio, Salvador e Fernando. 


Fluminense 1 x 0 Flamengo - Flamengo VICE da Taça Fadel Fadel - Campeonato Carioca 1972



O Tricolor das Laranjeiras vence mais um Fla-Flu realizado pelo Campeonato Carioca (2ª turno), jogado no dia 23 de Julho de 1972. O Flu venceu por 1 x 0, com gol de Jair.

Fluminense 1 x Flamengo O
Local: Maracanã
Juiz: José Marçal Filho. 
Renda: Cr$ 173.982,50.
Público: 101.893
Gol: Jair 4’ 2.° tempo
Fluminense: Jorge Vitório; Oliveira, Ari Ercilio, Assis e Marco Antônio; Denilson e Gérson; Cafuringa, Artime, Jair (Silveira) e Lula.
Flamengo: Renato; Moreira, Chiquinho, Tinho e Rodrigues Neto; Liminha e Zanata; Rogério, Caio (Fio), Doval e Arílson.

NOTA: segundo o blog FLUnômeno, o Fluminense venceu a Taça Fadel Fadel em cima do Flamengo.



São Cristóvão 1 x 0 Flamengo - Campeonato Carioca 1971



Em partida válida pelo Campeonato Carioca (2° turno), realizado no dia 20 de Maio de 1972, o São Cristóvão novamente vence o Flamengo no Maracanã.

São Cristóvão 1 x Flamengo O
Local: Maracanã.
Juiz: Valquir Pimentel.
Renda: CrS 61 887,00.
Público: 11 439.
Gol: Teia 29' do 1.° tempo.
São Cristóvão: Otávio; Triel, Celso, Dias (Mafra) e Bruno; Maranhão e Ivo Sodré; Netinho (Arlindo), Jorge, Teia e Alexan¬dre.
Flamengo: Renato; Aluísio (Mo¬reira), Chiquinho, Tinho e Ro¬drigues Neto; Liminha e Zanata; Zé Mário, Rogério (Dionísio), Caio e Doval.

Fonte: http://brfut.blogspot.com.br/2009/09/camopeonato-carioca-1972-segundo-turno.html

Atlético MG 2 x 1 Flamengo - Amistoso 1972



Flamengo e Atlético Mineiro fizeram um amistoso para início de temporada, realizado no Estádio do Mineirão, no dia 23 de Janeiro de 1972. O Galo Forte Vingador foi melhor, e venceu a partida pelo placar de 2 x 1.

Fluminense goleia Flamengo no último jogo da temporada (1971)



O Flamengo decide fazer um amistoso contra o Fluminense para fechar a temporada. O Flu venceu o Flamengo por 4 x 1, em partida realizada no dia 12 de Dezembro de 1971.

No Beira Rio, Internacional goleia Flamengo - Campeonato Brasileiro 1971



Flamengo é novamente sacudido com goleada no Campeonato Brasileiro. O algoz da vez foi o poderoso Internacional, que goleou o Esgoto da Gávea por 3 x 0. Essa partida foi realizada no dia 14 de Novembro de 1971. Abaixo, tem o link do Futpedia com a súmula e informações adicionais desta partida.

Corinthians vence Flamengo no Maracanã - Campeonato Brasileiro 1971



No dia 24 de Outubro de 1971, o Flamengo foi derrotado pelo poderoso Timão em pleno Maracanã. Esse jogo foi válido pelo Campeonato Brasileiro. Abaixo, temos informação do site Futpédia, que tem a súmula e informações adicionais sobre esta partida.

Fluminense 1 x 0 Flamengo - Campeonato Brasileiro 1971



Fluminense venceu o Flamengo por 1 x 0 em partida válida pelo Campeonato Brasileiro 1971, o primeiro Fla-Flu no modelo atual que conhecemos. Infelizmente, não temos informações adicionais sobre a partida.

Flamengo toma lapada do Defensor - Defensor 3 x 0 - Libertadores de 2007

3 X 0 FOI POUCO AINDA...

Eu já coloquei aqui no Blog sobre o segundo jogo do Flamengo contra o Defensor, que mesmo vencendo por 2 x 0, foi eliminado nas oitavas da Libertadores (denovo).

Abaixo tem os 3 gols do Defensor

Matéria sobre o jogo no UOL Esportes (na época, na íntegra); fonte: www.esporte.uol.com.br/futebol/ultimas/2007/05/02/ult59u119733.jhtm

Flamengo perde no Uruguai e se complica na Libertadores
Da Redação
No Rio de Janeiro
O Flamengo deu vexame e decepcionou sua torcida ao perder por 3 a 0 para o Defensor-URU, em Montevidéu, no primeiro jogo das oitavas-de-final da Copa Libertadores. O resultado complicou, e muito, a situação da equipe na competição. Para avançar, o time rubro-negro terá que vencer o rival por quatro gols de diferença na próxima quarta-feira, no Maracanã. Triunfo por 3 a 0 levará a definição para os pênaltis.
PRINCIPAIS LANCES
EFE
Juninho tenta lance na derrota no Uruguai
PRIMEIRO TEMPO
5min - GOOOLLL DO DEFENSOR! Leonardo Moura derruba Pezzolano na área e o árbitro marca o pênalti. Navarro chuta rasteiro, no canto esquerdo de Bruno, que cai para o lado oposto.
30min - Após cobrança de escanteio da esquerda, Sorondo cabeceia forte e Bruno defende em dois tempos. No segundo, goleiro tira a bola quase dentro do gol.
42min - Renato Augusto coloca Souza na cara do gol, mas atacante não domina dentro da área e permite a saída do goleiro, que divide de carrinho e ganha o tiro de meta.
SEGUNDO TEMPO
3min - GOOOLLL DO DEFENSOR! González aproveita rebote no cochilo da defesa rubro-negra, chuta forte de primeira, de fora da área, e acerta o ângulo direito de Bruno.
20min - Roni recebe lançamento longo, invade a área, mas chuta em cima do goleiro. Contudo, lance foi anulado por impedimento.
26min - Leonardo Moura cruza da direita para a área, Juan cabeceia, mas Martín Silva defende no meio do gol.
28min - Em cobrança de falta da intermediária, Martínez chuta forte, rasteiro, e obriga Bruno a espalmar no seu canto esquerdo.
30min - GOOOLL DO DEFENSOR! Fernandez chuta forte de fora da área, Bruno espalma e Navarro marca de peixinho no rebote.
VEJA FOTOS DA RODADA
JUNINHO DETONA CRISE
NEY CONTRA EXCESSO DE MUDANÇAS
FLA RECHAÇA 'MISSÃO IMPOSSÍVEL'
"A classificação não é impossível. Vamos jogar no Maracanã, com o apoio da nossa torcida. Agora, temos que esquecer este resultado e pensar na final de domingo", comentou o lateral-direito Leonardo Moura àTV Globo, referindo-se ao jogo contra o Botafogo, pela final do Campeonato Carioca.

Perdido em campo desde o início, o Flamengo - que não conseguiu finalizar sequer uma vez em todo o primeiro tempo - levou gol de Navarro, de pênalti (cometido por Leonardo Moura), logo aos 5min. A partir daí, o time uruguaio se fechou na defesa, anulou as jogadas ofensivas do time rubro-negro e por muito pouco não marcou o segundo, com Sorondo.

O Flamengo voltou para a etapa final sem Juninho Paulista - que esperneou por uma chance no time, mas teve péssima atuação e foi substituído por Roni - e Leandro Salino, que deu lugar a Léo Lima. 

Entretanto, a equipe brasileira levou outro gol logo no início, marcado por González, aos 3min, e se perdeu de vez. Aos 23min, o Defensor-URU já envolvia o adversário com boa troca de passes, embalado pelos gritos de "olé" da sua torcida. Aos 30min, Navarro marcou mais um e fechou o placar que derrubou a invencibilidade rubro-negra nesta Libertadores.

"Não tem explicação. Faltou jogar melhor, se impor mais, procurar apertar a marcação para roubar a bola mais próximo do gol adversário. Mas não conseguimos sair da marcação no meio-de-campo. Toda vez que tentamos jogar pelo meio, ficou difícil. O gramado é muito ruim", tentou explicar o lateral-esquerdo Juan.

"A gente jogou muito mal hoje [quarta-feira]. Foi uma noite em que nada deu certo. Não faltou vontade, mas nossa equipe não conseguiu superar o adversário na parte técnica, nem na tática, nem na física. O Defensor foi muito superior", completou o técnico Ney Franco. 

Se conseguir tirar a imensa desvantagem e avançar, o Flamengo terá um adversário brasileiro nas quartas-de-final. Ele sairá do confronto entre São Paulo e Grêmio - no primeiro jogo, os paulistas levaram a melhor e venceram por 1 a 0, no Morumbi. 

Revés antes da final
A derrota para o Defensor não apenas colocou o Flamengo em desvantagem na disputa por vaga nas quartas-de-final da Libertadores, como também deixou o time pressionado às vésperas da decisão do Campeonato Estadual do Rio.

No próximo domingo, a equipe voltará a campo para disputar o título da competição regional contra o Botafogo. No primeiro jogo das finais, o Flamengo levou sufoco do rival e começou perdendo por 2 a 0, mas buscou o empate por 2 a 2 graças a um pênalti cometido pelo goleiro Júlio César, que foi expulso no lance e deixou seu time com um jogador a menos.

O vencedor do clássico conquistará o título, enquanto que um novo empate levará a decisão para a disputa por pênaltis. A partida acontecerá às 16h, no Maracanã.

DEFENSOR-URU
Martín Silva; Sorondo, Cáceres e Martínez; González, Pereira, Fadeuille, Diego De Souza (Amado) e Pezzolano (Fernandez); Peinado (Morales) e Navarro
Técnico: Jorge Da Silva

FLAMENGO
Bruno; Leonardo Moura, Moisés, Irineu e Juan; Paulinho (Jaílton), Leandro Salino (Léo Lima), Renato e Juninho Paulista (Roni); Renato Augusto e Souza
Técnico: Ney Franco

Local: estádio Centenário, em Montevidéu (URU)
Árbitro: Carlos Chandía (CHI)
Assistentes: Eduardo Ponce e Rodrigo González (ambos do Chile)
Cartões amarelos: Leandro Salino (F), Sorondo (D), Renato Augusto (F), Irineu (F), Paulinho (F) e Morales (D)
Gols: Navarro, de pênalti, aos 5min do primeiro tempo; González, aos 3min e Navarro, aos 30min do segundo tempo

Com show de Edmundo, Flamengo é goleado "em casa" pelo Palmeiras - Brasileirão 2007

JÁ TÔ ACOSTUMADO A MARCAR GOLEADA NO FLAMENGO...

Jogando no Maracanã, o Palmeiras não toma conhecimento do Flamengo, com direito a um golaço do vascaíno Edmundo (aos 3 minutos de partida). Aquela não seria uma noite agradável para os Flamenguistas, pois em pouco tempo eles viram o Palmeiras fazer logo 2 x 0. Então o Flamengo teve que partir para cima com tudo, e chegou até empatar no placar.

Que pena que toda motivação após empatar o marcador seria em cinzas, pois o Palmeiras parou de brincadeira e fez mais dois gols, transformando o empate em goleada a favor do Verdão. Detalhe para o carrasco Edmundo novamente, que fecha o caixão rubro negro e decreta a goleada.

)

Figueirense METE logo 4 no Flamengo! Brasileirão 2007

CHICÃO NÃO PERDOA...

O Figueira veio para cima do Flamengo, em partida válida pelo Brasileirão 2007. Em uma tarde infeliz para o Flamengo, nada eles puderam fazer para evitar a tragédia que vinha... Figueira jogou muito, aplicou-lhe 4 x 0, para felicidade total da nação! Abaixo vejam os gols

)

Santos 3 x 0 Flamengo - Brasileirão 2007

GOLEAMOS O FLAMENGO HAHAHAHA

Na Vila Belmiro, o Urubu virou Galinha. Abaixo vejam os gols da goleada do Santos sobre o menguinho.

)

Internacional 3 x 0 Flamengo - Brasileirão 2007

MAIS UMA GOLEADA PRO SACO....

Jogando agora no Estádio Beira Rio, o Flamengo toma mais uma goleada em seu histórico 2007. Inter não teve pena e lhe aplicou 3 x 0. Abaixo vejam os gols do jogo, para alegria dos antis.

)

Fluminense vence (e com provocações) o Flamengo por 2 x 0 - Brasileirão 2007

TN7 FAZ SEU PRIMEIRO GOL EM FLA FLU

Em jogo conturbado, o Fluminense vence seu rival por 2 x 0. Com estádio quase cheio, o Flamengo não teve forças para ganhar o Fluzão, que marcou com Somalia (de canela), e fechando o caixão com Thiago Neves. Abaixo reportagem sobre o jogo.

)

Com gol impedido, Flamengo fica só no empate com o Bolivar

ELIMINADO EU VOU... ELIMINADO EU VOU... EU VOU...

Era para ser uma noite de festa no Maracanã, que não ficou muito lotado. Pois bem, o Flamengo precisaria vencer para alcançar a liderança no seu grupo na Libertadores. Caso perdesse, a situação ficaria complicadíssima (podendo ficar na lanterna). Mas com o apoio da massa, o Flamengo partiu pro jogo. Quem entende futebol, percebe de longe que o Flamengo NÃO sabe jogar contra times internacionais - pegando um fraco Bolivar (um time sem tradição internacionalmente), foi dominado o jogo inteiro, mesmo tendo maior posse de bola e com a torcida ao seu lado.

O Flamengo mal ameaça perigosamente o Bolivar, a não ser com alguns chutes bem toscos. O primeiro tempo terminou 0 x 0. Logo depois, na segunda etapa, o Bolivar abre o placar devido a tática usada pelo Flamengo (cavar faltas quando perde a bola), onde numa roubada de bola na área, eles abriram o placar. Dois minutos depois, com um GOL IMPEDIDO, o Flamengo consegue o empate e depois até a virada. Mas o time é tão burro, que ao invés de ir atrás correr pelo terceiro gol, ficou com medinho do Bolivar, que não teve pena, e ainda empatou a partida.


Agora a situação está complicadíssima para o Flamengo, pois se vencesse o Bolivar eliminaria seu adversário e teria um jogo fácil na Bolívia. Agora, o Bolivar está motivado e vai jogar novamente contra o Flamengo na próxima semana! Se o Flamengo perder, terá grandes chances de ser eliminado NOVAMENTE na primeira fase da Libertadores.

É antis, ver o Flamengo jogar a Libertadores nos dá a maior alegria! Bolivar! Bolivar! 

Só uma perguntinha: Onde Está o Hernane?

Começa o ano pensando no Nova Iguaçu... que venceu por 1 x 0 - Carioca 2006


Finalmente o Flamengo começa a temporada 2006... com derrota! No primeiro jogo do ano acabam cedendo vitória para o Nova Iguaçu, que venceu o jogo por 1 x 0 (que ficou barato ainda por cima). Veja a reportagem completa do jogo logo abaixo.

)

Cabofriense vence o Flamengo por 2 x 1 - Carioca 2006

Foto: Flapédia (Divulgação)


Depois de perder na estreia para o Nova Iguaçu, o Flamengo decepcionaria novamente sua torcida (agora diante da Cabofriense), perdendo por 2 x 1. Abaixo uma pequena reportagem sobre o jogo. O ano já começou bem! Dois jogos e duas derrotas para times pequenos.

Flamengo baila contra a Portuguesa Carioca - 2 x 2 - Campeonato Carioca 2006


Depois de perder para o Nova Iguaçu, e também para a Cabofriense, quase o Flamengo levaria sua terceira derrota seguida para times pequenos. Após sair no placar com um gol meio estranho, o Flamengo levou a virada do desconhecido time Portuguesa RJ.

)

Flamengo 1 x 2 Peñarol (Vice da Taça de Montivideo)




Flamengo e Peñarol fizeram um pequeno torneio amistoso conhecido como Taça de Montivideo, em um jogo no Estádio do Peñarol. O resultado? MAIS UM VICE para o Flamengo (até em torneios amistosos o Flamengo é vice).



Texto abaixo retirado de: http://peladasdoaterro.blogspot.com.br/2006/02/pearol-2-x-1-flamengo.html

"Já começo meu texto alertando aos rubro-negros que 2006 será mais um ano de sofrimento. Mas vamos ao jogo.

O Peñarol, um time que está se formando agora, começou melhor, concentrando seus ataques pelo meio e aproveitando o fraco miolo de zaga do time do Flamengo. É impressionante a capacidade dos zagueiros rubro-negros quererem entregar o jogo. Ronaldo Angelim é fraco e o Fernando... pelo amor de Deus! Ele só baixa o sarrafo, faz cara de mau e se acha craque. Realmente ele prova minha teoria na qual penso que alguns seres-humanos nasceram virados com o brioco pra lua. Ou o cara tem um padrinho muito forte.

Até os 10 minutos o Flamengo não fez mais nada além de bater. E nesses momentos iniciais, destaque pro Fernandão que aos 8 deu um carrinho de frente na canela de um uruguaio. E nem sombra de amarelo.

O Peñarol tentava e o Fla só fazendo ligação direta para o ataque. Meio de campo nem pensar. A bola saía da defesa carioca em belos chutões para o alto. E nisso ficava o Ramirez correndo pela esquerda e o Felipe Gabriel pela direita.

Aos 15, o Penãrol cruza da direita, a defesa mãe do Fla tenta entregar com Leo Moura cabeceando para o meio da área. Fernando fica matando barata no chão dando chance para o atacante uruguaio matar, virar e bater fraco; Diego fica olhando e a bola bate na trave.

O time brasileiro continua pedindo pra tomar o gol, e ele acontece numa falta cobrada na intermediária pelo 20 uruguaio. Diego pula atrasado e a pelota morre no fundo do barbante. Peñarol 1 X 0 aos 17 minutos.

A partir daí vemos o estilo criado pelo Flamengo e jogado pelo mundo inteiro: o Tocabol. O objetivo deixa de ser o gol e vira simplesmente tocar a bola. Um bando de homens barbados correndo atrás da redonda como se fossem a noviça rebelde.

E numa dessas espirradas, Jonatas, aos trancos e barrancos, vai carregando a bola até a meia lua e dispara: bola pra fora.

A essa altura (+- 27 min) o Mengão continua seu estilo "ditadura" - baixando o sarrafo. Os uruguaios, acostumados à arte de bater, ficaram impressionados com o estilo brasileiro e resolveram olhar pra ver se reciclavam seus pontapés. Apesar deste vale-tudo carioca, impressionantemente Jonatas tentava alguma coisa e era o melhor do time.

Aos 29 min., um lance à la Obina: F. Gabriel cruza da direita e Ramirez, num lance puro de tocabol, pula igual a um aqualouco. A bola bate no joelho do paraquaio e vai para fora.

Faltando pouco tempo para terminar a 1ª etapa o Flamengo continua no seu estilo "puxador" de carro: só fazendo ligação direta. E com isso vai conseguindo uns escanteiozinhos obviamente mal aproveitados. E num desses, Peralta, craque uruguaio endeusado pela diretoria rubro-negra -"Seu estilo lembra muito o de Maradona!"- cobra direto para linha de fundo.

Aos 40 min - após um penâlti não marcado para o Penãrol - o vermelho e preto estica uma bola da esquerda para a direita, Felipe Garbriel recebe, avança, corta pra dentro e chuta com a canhota encobrindo o goleirão: golaço de empate do Flamengo.
Terminando o jogo, Fernando recebe uma beliscada na canela e manda o uruguaio tomar caju. Fim do 1º tempo.

Começa a 2ª etapa e Diego Souza entra no lugar do Peralta.Com isso, até os 15 min., Renato substitui peralta na chegada do ataque, encostando em Ramirez que agora cai mais pelo meio. F. Gabriel joga mais atrás pela meia-esquerda. O Flamengo vem melhor na metade final do jogo (igual ou pior seria impossível) e começa a tocar melhor a bola. Jonatas continua o melhor. E o Penãrol chega em contra-ataques com Ronaldo e Fernando batendo cabeça.

À medida que o tempo vai passando, o Ramirez volta pra esq., F. Gabriel dá uma apagada e Diego Souza fica enrolando, perdendo a bola, errando passe e tentando uns chutinhos de longe pela esquerda. Já se vão uma hora e cinco de tortura em frente a TV.

Aos 25 minutos, o craque uruguaio - um careca gordo que joga na cabeça de área - é expulso e incrivelmente o Peñarol melhora. Seus jogadores correm mais, lutam e passam a ameaçar o Flamengo. O time carioca se perde e volta ao seu belo estilo "Tocabol". Numa dessas ótimas encostadas na peloda, Fernando toma seu primeiro amarelo aos 30 do 2º tempo. Isso mesmo: aos 30 do 2º tempo. Já era para ele tomar vermelho no 30 de Janeiro, mas...

O tempo vai passando e o time uruguaio dominando. Consegue 4, 5, 6 escanteios e nada. Até que aos 38, Espinosa tira o melhorzinho do Flamengo (Jonatas que adora variar um passe com um cascudo) e bota o craque Rodrigo vindo do Payssandu.

"- O Flamengo é o favorito na Taça Rio." Tá bom, presidente.

Aos 40 minutos, os jogadores do Flamengo percebem que ganham R$100 mil por mês e resolvem levar a partida para os penâltis. Só esqueceram de avisar aos uruguaios. Aos 46, no apagar das luzes, os donos da casa desempatam com um gol de cabeça. Final Peñarol 2 X 1.

Resumo da ópera: O time do Peñarol é muito ruim, mas o Flamengo consegue se superar a cada ano."

Segundo Felipe Andreoli, Portuguesa colocou jogador irregular para Flamengo não ser rebaixado...


Felipe Andreoli falou sobre o Flamengo comprar a Portuguesa em programa de TV.

Flamengo BI VICE Internacional, agora sendo vice da Copa Mastecard



O Flamengo aproveitaria para jogar 2 torneios amistosos antes de sua temporada 2006 começar, e em ambos foi VICE, sendo primeiro vice para o Peñarol na Copa Montivideo. Infelizmente, não achamos em nenhum lugar o material da taça mastecard, a não ser a informação no próprio site Flapédia, conforme podem ver pelo print.

Imagem extraída do site Flapedia

Madureira vence o Flamengo por 3 x 2 - Carioca de 2006

Mais uma vez o Flamengo dá vexame com a sua torcida. Mesmo assim, parece não existir nenhum vídeo na internet mostrando a derrota do Flamengo para o Madureira por 3 x 2, a não ser o site futpédia, que mostra a informação (isso foi tudo que conseguimos adquirir). Caso alguém tenha o vídeo poderia passar para por aqui no blog?

Imagem extraída do site Futpedia

Vasco mete em cima e ELIMINA o Flamengo - Vasco 2 x 1 - Carioca 2006

ISSO MESMO VASCÃO, ELIMINA ESSA CORJA...

Em partida válida pelo Campeonato Carioca 2006. Abaixo tem a matéria completa sobre o jogo. No final, teve até jogadorzinho querendo tirar onda com juiz, não aceitando a derrota. E assim, o Vasco tem o sabor de acabar com as últimas esperanças de salvação no campeonato daquele ano...

Bolivar vence o Flamengo, que agora é Lanterna na Libertadores

BOLIVAR MANDA O FLAMENGO SEGURAR À LANTERNA...


Esse time conhecido como Flamengo é decepção atrás de decepção. Depois de tomar uma lapada do Leon na estreia da Libertadores, conseguiu uma vitoriazinha mixuruca para cima do Emelec. Com isso, ouvi boatos de que seriam campeões de tudo esse ano... Ahahaha é para rir, não é? Pois bem, tudo mudou quando entrou um time desconhecido conhecido como Bolivar, que ainda por cima, estava quase dando adeus a competição prematuramente.

Mas depois de um empate heroico no Maracanã, Bolivar vinha com tudo em cima do Flamengo. Em caso de derrota (e isso aconteceu) o Flamengo chegaria a lanterna da competição! Agora, o time do Flamengo tem 23% de chances de classificação, pegará o Emelec novamente. No jogo contra o Bolivar, o Flamengo começou a decepcionar cedo: com um escorregão do zagueiro Samir (chamado de "Samito", mas tá mais para "Sumito") fez penalti que resultou no gol do adversário. O Bolivar é um time tecnicamente fraco. Foi também a primeira vez que eu vi a torcida gritar "Olé" para um time que estava vencendo de 1 x 0. Abaixo vou deixar os gols e algumas matérias referências sobre essa partida.



A Zoação do Bolivar NÃO para!!!

Após o vexame de perder para o Bolivar e ir para a Lanterna na Libertadores, claro que as redes sociais foram lotadas de imagens da zoeira. Vejamos algumas logo abaixo.










Pensaram que iam ganhar? Flamengo toma virada no Mineirão...

HEHEH... TÔ CANSADO DE COMER URUBU.. HEHEH

Em partida muito movimentada, com extrema pressão do Cruzeiro, o Flamengo até conseguiu (em um lance de cruzamento) abrir o placar. Mas quando é que o Flamengo consegue ganhar do Cruzeiro? Ainda mais jogando no Mineirão? Pois bem, depois do gol a Raposa parou de brincar e mostrou toda sua força diante do urubu depenado. Cruzeiro 2 x 1 Flamengo, Brasileirão 2006.

NOTA: repare a manipulação na narração da TV Globo - quando o Flamengo abriu o placar, veja a gritaria e emoção do narrador. Repare que ele não teve a mesma empolgação com os gols do Cruzeiro! 


Fluminense vence mesmo com menos 1 - Brasileirão 2006

TUTA MATADOR! TUTA MATADOR!

Em partida válida pelo Campeonato Brasileiro 2006, Fluminense vence por 1 x 0 (vejam abaixo a matéria falando do jogo), com gol do carrasco Tuta. Mesmo com menos um em campo, o Flamengo não conseguiu sequer o empate. Vejam abaixo a matéria sobre o jogo.

NOTA: Fluminense mandou o Flamengo para Zona de Rebaixamento, e também se tornou líder após a vitória (zoação dobrada depois).


Seguidores